Estado de emergência – Texto de Rafael Ayala

15 maio

Se por um lado Bauru engatinha quando o tema é tratamento de água e esgoto, por outro, quando o assunto é a dengue, a cidade quebra recordes.

Nesta última segunda-feira, 13, Bauru atingiu o mais alto índice de pessoas infectadas pelo vírus da dengue em sua história: 4.399 casos confirmados em apenas 5 meses.

Segundo o Ministério da Saúde, uma cidade entra em epidemia quando atinge 333 casos por 100 mil habitantes. Bauru tem aproximadamente 350 mil habitantes (estatísticas IBGE/2012), portanto a doença já se encaixaria na categoria caso registrasse 1165 casos. Ou seja, estamos “epidemicamente” quase 4 vezes acima da média.

O que nós, residentes da cidade, queremos saber é: até quando a prefeitura e a secretaria municipal de saúde continuarão lidando a dengue como um problema comum? E por que ainda não foi decretado estado de emergência?

O decreto de “estado de emergência” normalmente é utilizado para desastres de grande porte, e indica que o município ou estado tem condições de resolver a situação apenas com os próprios recursos, mas necessita de complementação do governo estadual ou federal, respectivamente. Além disso, o decreto facilita o processo de contratação de efetivo para combater a doença, deixando-o menos burocrático.

Outras cidades do interior paulista como Araçatuba, Andradina, São José do Rio Preto e Catanduva decretaram estado de emergência em situações menos graves.

Temos um prefeito que possivelmente se candidatará a deputado federal em 2014 e, além do mais, está em uma lista de nomes cotados pelo PMDB paulista para a disputa pelo Governo do Estado no ano que vem, como vice-governador.

Ao que se parece, existem muitas questões políticas a serem decididas antes de se decretar estado de emergência. Afinal, se por trás dos 82% de aprovação o prefeito pop star demonstrar ter muito o que resolver em âmbito municipal, como conseguirá convencer seus superiores que é capaz de resolver nas esferas estaduais e federais?

Texto de Rafael Ayala

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: